Meu carro pode ser apreendido por falta de pagamento do IPVA?

O IPVA é um dos impostos obrigatórios mais caros e mais importantes. Esta é uma taxa anual, porém mesmo assim acaba pegando muita gente de surpresa e fazendo alguns devedores.

Como este é um imposto obrigatório para os proprietários de veículos, muita gente fica com dúvidas quanto as consequências. Por exemplo, será que seu carro pode ser apreendido por falta de pagamento do IPVA? Confira o texto a seguir e saiba tudo:

O que é o IPVA?

O Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) é uma taxa a ser paga por todo e qualquer proprietário de veículo no país. O valor arrecadado com este imposto é dividido entre o estado e o município de emplacamento do veículo.

Nem todo mundo sabe, mas o valor do IPVA depende não somente do modelo de veículo, como do estado em que o proprietário reside. Em aluma regiões em que o custo de vida é mais alto, como você pode conferir na tabela IPVA RJeste imposto pode ser até 2% superior a média.

Meu carro pode ser apreendido por falta de pagamento?

Este imposto deve ser pago anualmente pelos proprietários de veículos e por ser obrigatório, pode causar consequências caso não seja cumprido. A maior dúvida é se o carro pode ser apreendido.

Bem, sem o pagamento do IPVA você não pode realizar o licenciamento do seu veículo. Este documento garante que o seu carro está apto para circular nas vias e se você for autuado sem o porte dele ou com atraso na realização, você pode receber altas cobranças de multa e sete pontos na carteira.

Estar com o IPVA atrasado não pode fazer com o que seu carro seja apreendido, mas ao completar 20 pontos na carteira de motorista, isto pode acontecer. Além da apreensão, o motorista pode ter a sua habilitação suspensa.

Como regularizar minha situação?

Alguns estados podem prorrogar o prazo de pagamento do IPVA e até oferecer maiores descontos para quem paga à vista. Por isso, o ideal é se preparar para a taxa.

Você pode regularizar a sua situação, acessando a plataforma digital do Detran do seu estado e fazendo o login com as informações do seu veículo (número da placa e o Renavam).

Na próxima página, você encontrará todas as suas pendências com o Detran, incluindo as multas de trânsito e acréscimo de juros pelo IPVA atrasado. Você deverá escolher sua forma de pagamento, lembrando que é possível parcelar o valor do imposto. Por último, você deve gerar um boleto já com os valores corrigidos e pagar em um banco ou casa lotérica.